Receitas

Lasanha Vegetariana

Olá a todos! Hoje trago-vos uma receita muito simples de lasanha vegetariana baixa em fodmaps.

Eu sempre amei lasanha e quando iniciei a dieta baixa em FODMAPs pensava que era algo que iria ter de deixar de comer. Felizmente criei uma versão permitida e altamente deliciosa. Esta que vos trago é vegetariana mas podem alterar os legumes para carne ou peixe, como preferirem. Optei pela versão vegetariana pois tenho tentado diminuir o consumo de carne pela questão ambiental.

Escolhi legumes permitidos na dieta, fiz um molho bechamel caseiro e sem lactose, comprei placas de lasanha sem glúten e saiu então uma lasanha vegetariana incrível baixa em FODMAPs.

Receita de Lasagna Vegetariana

Tempo de Preparação: 20 min
Tempo de cozedura: 45 min
Tempo total: 65 min

Porções: 4 pessoas

Ingredientes

  • 1 Embalagem de placas de lasanha sem glúten pré-cozidas;
  • 200g de beringela cortada em rodelas;
  • 1 Curgete média (200g) cortada em rodelas;
  • 2 Cenouras raspadas;
  • 100g de cogumelos enlatados;
  • ½ Frasco de polpa de tomate;
  • Sal;
  • Pimenta
  • Mozarella ralada sem lactose a gosto;
  • Azeite qb.
  • Ingredientes do molho bechamel:2 Colheres (sopa) de manteiga;3 Colheres (sopa) de farinha de arroz;1/2litro de leite sem lactose (pode trocar por bebida de arroz);Pitada de noz-moscada;

    Sal;

    Pimenta.

Modo de preparação

  • Massa: Pré aqueça as folhas de lasanha de acordo com as direções da caixa;
  • Legumes: Refogue os legumes numa frigideira com o sal, pimenta, polpa de tomate e azeite.
  • Molho: Comece por derreter a manteiga num tacho, junte a farinha e mexa de imediato com uma vara de arames, deixando cozer uns segundos. Junte o leite, sempre sem parar de mexer para evitar grumos. Mexa até engrossar Quando o molho estiver na consistência que desejar, tempere com o sal, a pimenta e a noz-moscada.
  • Montagem: Espalhe um pouco do molho no fundo de travessa para a massa não colar. Coloque uma camada uniforme de massa de lasanha até cobrir. De seguida coloque um pouco de legumes cobrindo com um pouco de molho. Repita sempre este processo até ficar sem molho, massa e preparado de legumes. Cubra a última camada de folhas de lasanha com mozzarela ralada. Cubra bem a travessa com folha de alumínio e leve ao forno durante 30 minutos, depois retire a folha de alumínio e continue no forno durante cerca de 15 minutos ou até que o queijo em cima seja derretido

Notas

  • Apenas ¼ da lasanha é baixa em FODMAPs devido ao teor de FODMAPs dos legumes, não ultrapasse essa quantidade para não obter sintomas;
  • Use cogumelos em lata, não cogumelos frescos pois estes últimos são altos em FODMAPs;
  • Verifique que a sua polpa de tomate não tem aromas (os aromas podem incluir alho e/ou cebola);
  • A manteiga não precisa de ser “sem lactose” para que seja baixa em FODMAPs.

 

Deliciem-se com esta bela lasanha acompanhada por um copo de um bom vinho verde! Saudações Gastronómicas,

Inês Carvalho (@lowfodmapt)

Veja também estas receitas

Petit Gâteau

Com saudades de uma sobremesa que não seja fruta?
Ver Receita

Lasanha Vegetariana

Uma lasanha vegetariana versátil, simples e com bechamel caseiro.
Ver Receita

Bolachas de Amêndoa e Canela

Quem não gosta de umas bolachinhas deliciosas com travo a canela? Estas bolachas de amêndoa e canela são de comer e chorar por mais!
Ver Receita

O que acha deste site

Responda a 3 questões e ajude-nos a perceber o que podemos melhorar.
As suas respostas são anónimas e ajudarão toda a comunidade a ter uma melhor experiência.

1 Eu…

(opcional)
Próxima pergunta

2 Indique, de 1 a 5, se recomendaria este website a outra pessoa.

Próxima pergunta

3 Que conteúdo gostava que continuássemos a actualizar? (seleccione apenas 2)

(opcional)
Enviar

Terei Síndrome do Intestino Irritável?

Alguma vez pensou demoradamente no que ia pedir num primeiro encontro, com receio de que a sua decisão pudesse levar a uma urgente (e inconveniente) ida à casa de banho? Procura sempre a casa de banho de qualquer espaço público assim que entra, como um espião altamente especializado? Já gastou mais em papel higiénico do que em artigos de “higiene pessoal”?

Dificuldades com a digestão são mais comuns do que possa pensar. Apesar de patologias como a SII serem frustrantes, não são definitivamente algo pelo qual deva sentir vergonha.
Começar

Fase 1

Tem, com frequência, dor ou desconforto abdominal que alivia após evacuar?

Sofre com frequência dor abdominal que provoca uma grande urgência em evacuar?

Os sintomas acima descritos duram há mais de 3 meses?

Costuma interromper as suas atividades diárias devido aos sintomas acima descritos?

Próxima pergunta

É pouco provável que seja Síndrome do Intestino Irritável. No entanto, se os sintomas persistirem ou piorarem, consulte um profissional de saúde.

Fase 2

Sente regularmente a sua barriga inchada ou distendida (pense numa gravidez de 6 meses)?

Considera os seus movimentos intestinais “irregulares” (muito frequentes ou pouco frequentes, diarreia ou obstipação)?

As suas fezes têm uma forma anormal (formato, textura, consistência)?

Tem gases com muita frequência?

Tem dificuldade em evacuar (esforço, urgência ou dor)?

Concluir

De acordo com os critérios de Roma IV, é provável que tenha SII. Aconselhamos que consulte um profissional de saúde.

Saiba mais sobre o que dizer na consulta e os tratamentos existentes para gerir os seus sintomas: